Os erros de SEO mais comuns em Conteúdo e Tecnologia

Você precisa eliminar os erros de SEO mais comuns. Somente assim conseguirá estruturar sua estratégia de crescimento orgânico.

Os erros de SEO mais comuns em Conteúdo e Tecnologia
Seus amigos merecem saber desse conteúdo?

Os erros de SEO devem ser evitados para garantir maior e melhor tráfego ao seu projeto digital.

Embora os sites desenvolvidos em WordPress sejam altamente indexáveis, é necessário eliminar os impedimentos de indexação ou aumento de relevância.

O Google, em alguns casos, chega a representar até, ou mais, de 90% dos acessos.

Conquistar tráfego orgânico nos permite reduzir o custo com mídia paga, além de sermos encontrado por potenciais clientes a procura do que ofertamos.

Podemos organizar os erros de SEO em três grupos:

  1. Conteúdo;
  2. Tecnologia e
  3. Autoridade.

As falhas de SEO em questão de autoridade, assim como as demais, devem ser evitadas, mas não será objeto deste artigo.

Os erros de SEO atrelados a Conteúdo

Conteúdos são publicados em diversos formatos. Textos, imagens, áudios, vídeos e outros são produzidos constantemente para manter nossa presença digital.

Sobre a qualidade dos conteúdos

Sabe-se que qualidade é algo subjetivo. No entanto, há claros fatores lógicos que determinam essa questão.

Entenda baixa qualidade, como publicações que não agregam valor ao seu público. São utilizados simplesmente para completar o cronograma projetado.

Você deve evitar conteúdos de baixa qualidade a todo custo.

Além de ser requerido um bom conteúdo, é importante conhecer e aplicar as técnicas de Readability.

Os mecanismos de busca utilizam algoritmos para detectar os textos de fácil de leitura e maior relevância aos assuntos pesquisados.

Com a Readability você elimina a subjetividade na questão da qualidade e mantém um critério comum entre você, seus usuários e os mecanismos de busca.

Além disso, conteúdos duplicados, ou copiados, são graves desacertos de SEO.

Esse tipo de prática não lhe garante relevância e, claro, também não ajuda seu público alvo.

Imagens também falam

Como imagens falam mais que mil palavras, é preciso ser seletivo e manter um padrão visual.

Com essa prática com as imagens, teremos um conteúdo visual rico e bonito.

Os mecanismos de busca utilizam os valores dos atributos ALT e TITLE para realizarem a leitura do conteúdo das imagens.

Os leitores de tela também se utilizam dessas informações.

Não otimizar suas imagens para SEO é um erro a ser evitado.

Links que conectam

Os links são armas estratégias para impulsionar qualquer estratégia de SEO. Não falhe com eles.

Considere aplicar links relevantes para conteúdos internos e externos. Revise constantemente os links quebrados para atualizá-los.

Links estratégicos lhe permitem conduzir seus usuários na exploração do seu conteúdo. Bem como indica aos robôs relevância de palavras-chave entre as páginas linkadas e o textos das âncoras.

Em resumo, os erros de SEO mais comuns relacionados a conteúdo são:

  • Conteúdos de baixa qualidade;
  • Conteúdos duplicados ou copiados de outros locais;
  • Não aplicar as técnicas de Readability;
  • Não aplicar linkagem interna e externa;
  • Permanecer com links quebrados e
  • Não utilizar imagens contextualizadas e otimizadas.

Os erros de SEO atrelados a Tecnologia

Conteúdos de qualidade precisam ser servidos com boa aplicação tecnológica.

Essa dupla precisa caminhar juntas. E o WordPress é a plataforma preferida pelas principais consultorias de SEO.

Há erros tecnológicos comuns que impedem, ou dificultam, a indexação das suas páginas pelos mecanismos de busca.

Você deve melhorar os elementos on-page do seu site para suas páginas ficarem melhor otimizadas para os mecanismos de busca.

Sobre marcação HTML

Uma marcação HTML inchada e mal estruturada vai resultar em low text to HTML ratio.

Esse resultado vai deixar seu site com mais código do que conteúdo. Marcação HTML semântica evita esse erro de SEO.

Os conteúdos precisam ser marcados semanticamente. E o ponto de partida são as Headings Tags.

Através delas temos uma estrutura hierarquica lógica e semântica.

No entanto, você deve evitar a todo custo o grave erro de não utilizar a tag H1. Ou utilizar ela mais de uma vez na mesma página.

O primeiro erro de SEO tecnológico que você deveria resolver de imediato é o H1 no WordPress.

Imagens podem não conseguir falar

As imagens precisam ser bem otimizadas com conteúdos, e mais ainda com boa tecnologia para entrega e otimização.

Caso contrário, elas não serão devidamente carregadas nos dispositivos dos usuários, e assim sua mensagem não será passada.

Os desafios relacionados as imagens são diversos, mas todos passíveis de serem vencidos.

E precisamos lembrar que o tráfego mobile cresce de forma significativa. E a qualidade da internet no Brasil, sabemos que é questionável.

URLs que me conduzem

Não usar URL amigáveis é um erro grotesco de SEO.

Além de ser um fator de otimização, é um caminho mais claro, lógico e legível para o usuário.

Com as URL’s bem definidas, iniciamos por ela a definição estratégica de palavras-chave.

Através do WordPress o recurso é facilmente implementado e com variáveis possibilidades.

O recurso está disponível na opção de “Links Permanentes” no menu “Configurações”.

Segurança que me protege

É preciso implementar o SSL em suas páginas para uma melhor segurança.

Ter uma página mais segura significa proteger os seus usuários e suas informações.

O Google valoriza isso, sua página pode ser preterida entre outras, em função do recurso implementado.

Há um movimento do Chrome em marcar páginas sem o HTTPS como inseguras e alertar seus usuários a respeito.

Lembre-se, o referido navegador é o mais utilizado da atualidade.

Segura em minha mão e me redireciona

Usuários mal conduzidos ficam desorientados. Ou você o conduz corretamente ou ele desistirá da navegação.

Desistir da navegação significa não conhecer seus produtos, suas ofertas e não se relacionar com você.

Não tratar os erros 404, relativos a páginas não encontradas, é um erro de SEO.

Considere aplicar os devidos redirecionamentos das páginas não existentes para as equivalentes.

Redirecionamentos 301 e 302 devem ser sabiamente utilizados.

Os 301 indicam aos mecanismos diversos que o novo endereço é fixo, enquanto o 302 o diz ser algo temporário.

Estou na sua mão

Você precisa estar facilmente na mão dos seus usuários. Não garantir uma boa experiência mobile é um erro de SEO.

Faça isso aplicando a responsividade em seus projetos ou adotando um projeto mobile first.

Os números mobile no Brasil são cada vez mais significativos.

Em função disso você precisa ir além de simplesmente implementar um layout responsivo.

Em resumo, os erros de SEO mais comuns relacionados a tecnologia são:

  • Usar marcação HTML mal codificada e não semântica;
  • Não fazer uso das Headings Tags;
  • Usar imagens pesadas e sem otimização para facilitar o carregamento;
  • Permanecer com o uso do HTTP e atrasar a adoção do SSL;
  • Manter links quebrados e não aplicar os devidos redirecionamentos e
  • Não adotar o conceito de mobile first, ou não aplicar layout responsivo.

Conclusão

Precisamos evitar os erros mais comuns de SEO. Eles atrapalham nossa estratégia de crescimento orgânico.

O WordPress é seu grande aliado, mas precisa ser devidamente configurado.

Tanto a plataforma, quanto os temas e plugins em uso precisam ter objetivos comuns de SEO.

Esses três pilares devem estar interligados para evitar os erros de SEO.